Vereador quer acordo para que seja pago o reajuste aos servidores públicos de São Luís

Álvaro Pires quer acordo para manutenção de Veto do Prefeito Eduardo Braide, desde que pagamentos sejam realizados retroativos e se abra mesa de discussão com categorias não beneficiadas com o reajuste

O vereador Álvaro Pires (PMN), apresentou requerimento para que seja realizado ACORDO entre a Câmara Municipal de São Luís e a Prefeitura de São Luís, para o pagamento imediato do Reajuste de 8,2% dos servidores públicos municipais de São Luís.

No entendimento do vereador, já que o prefeito de São Luís, Eduardo Braide, se dispõe a CONCEDER O REAJUSTE DE 8,2% A UMA PARTE DOS SERVIDORES PÚBLICOS, ele se comprometa a ABRIR uma Mesa de Discussão, com as demais categorias que não estão contempladas pela Prefeitura de São Luís.

No Requerimento apresentado, o vereador destacou,

“Venho por meio deste Requerimento, propor à Augusta Mesa da Câmara Municipal de São Luís, que seja avaliado a POSSIBILIDADE, se os nossos queridos e queridas vereadores e vereadoras, assim entenderem, a PROPOSTA a ser acordada, durante a Ordem do Dia Extraordinária, desta segunda-feira (26), de junho, na qual ocorrerá apreciação do Veto Nº 03/2023, que “Dispõe sobre os Vencimentos e Salários dos servidores da Administração Pública Direta e Indireta, Empregados Públicos, Ativos e Inativos, do Município de São Luís e dá outras providências”. Pontou, Pires.

“O nosso entendimento é que já que o Poder Executivo se dispõe a CONCEDER O REAJUSTE DE 8,2% A UMA PARTE DOS SERVIDORES PÚBLICOS, ele se comprometa a ABRIR uma Mesa de Discussão, com as demais categorias que não estão contempladas pela Prefeitura de São Luís”, ratificou Álvaro Pires.

Álvaro Pires reiterou ainda, que para se manter o Veto do Prefeito Eduardo Braide, o acordo passaria pelo pagamento imediato do retroativo ao mês de Maio e Junho, já na Folha deste mês de junho.

“Para que seja mantido o Veto, o Executivo Municipal de São Luís se COMPROMETERIA A PAGAR OS REAJUSTES RETROATIVOS REFERENTE AO MÊS DE MAIO E JUNHO, JÁ NA FOLHA DESTE MÊS DE JUNHO E SE ABRA A MESA DE DISCUSSÃO PARA AS OUTRAS CATEGORIAS”, finalizou o vereador.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade
Arquivos