Por ordem de Lula, Caixa está desautorizada a taxar PIX a pessoa jurídica

Por orientação do Planalto, Caixa Econômica vai suspender cobrança de tarifa sobre transferência via Pix para cliente pessoa jurídica

A cobrança que pegou muita gente de surpresa e gerou muita Fake News, tinha sido anunciada pela Caixa Econômica, nessa segunda-feira (19) e, segundo a instituição, começaria a valer a partir do dia (19) de julho.

O anúncio, porém, irritou ministros do governo e o próprio presidente Lula. A reclamação é de que a Caixa não teria dialogado com o Planalto antes de anunciar a medida.

Com a repercussão negativa, a ordem do presidente Lula foi para que o comando do banco suspenda o anúncio até segunda ordem, uma vez que o presidente está em viagem para a Europa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade
Arquivos