Gestão Braide já pagou R$ 40 Milhões à MAXTEC; trabalhadores estão há 5 meses sem salários

Empresa já abocanhou R$ 40 Milhões, somente este ano de 2023, na gestão do prefeito Eduardo Braide 

Funcionários da MAXTEC, empresa terceirizada pala gestão do prefeito Eduardo Braide (PSD), tiveram que parar as atividades por causa do atraso de cerca de cinco meses no pagamento dos salários. O problema atingiu principalmente a rede de saúde de São Luís.

O grave problema é que a gestão do prefeito Eduardo Braide já pagou ao longo destes 11 meses de 2023, R$ 39.418.468,66 (Trinta e Nove Milhões, Quatrocentos e Dezoito Milhões de Reais), à empresa MAXTEC Serviços Gerais e Manutenção Industrial Ltda – CNPJ: 05.899.350/0001-55.

De acordo com os trabalhadores, a categoria decidiu paralisar as atividades em protesto contra os atrasos não somente nos pagamentos de salários, mas também de outros benefícios. O fato curioso é que movimento foi encerrado após a Prefeitura de São Luís se comprometer a repassar os valores às empresas terceirizadas, para pagar os salários atrasados.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores de Asseio e Conservação de São Luís (SEEAC/SLZ), cerca de 370 trabalhadores de 26 unidades de saúde da Capital são afetados com atrasos de salários.

EM TEMPO: trabalhadores e trabalhadoras afirmam que se até a próxima sexta-feira (24), os salários não tiverem na conta, deflagarão Greve Geral em toda a rede de Saúde de São Luís;

E MAIS: e pra onde está indo essa dinheirama paga pela Prefeitura de São Luís à empresa MAXTEC????

PRA FECHAR: essa gestão Braide tem uns contratos com empresas que são no mínimo duvidosos em sua execução.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade
Arquivos