Escândalo!!! Licitação de R$ Meio Bilhão da Prefeitura deve ser embargada pelo Ministério Público e TCE

Estranha licitação de quase R$ 500 Milhões foi denunciada em primeira mão pelo Site Observatório 

Uma licitação pra lá de “cabeluda”, de quase R$ 500 Milhões (Meio Bilhão de Reais),  que vem sendo montada pela Prefeitura de São Luís deve se transformar num dos maiores escândalos da administração do então prefeito Eduardo Braide (PSD) – uma licitação para “jorrar” asfalto em ano eleitoral, licitação esta que já havia sido divulgada em primeira mão pelo Site Observatório., e que está em curso desde o mês de fevereiro deste ano e que como uma brincadeira de mal gosto é adiada e suspensa de acordo com o “gosto” de quem tá bancando a licitação.

A concorrência 001 / 2023, que se iniciou no dia 13 de Fevereiro do corrente ano, que tinha valor de R$ 209.896.891,07 (Duzentos e Nove Milhões e Oitocentos e Noventa e Seis Mil Reais), transcorreu normalmente, passando pela fase de habilitação de documentos, e nesta  fase, três (3) empresas foram consideradas aptas a continuar no certame, entre elas a Construtora EDECONSIL. Na segunda fase do processo licitatório a CPL prosseguiu com a abertura das propostas de preços, e a Construtora EDECONSIL, mesmo aplicando um desconto de 26,5% (Vinte e Seis e meio por cento), sobre o preço referencial da planilha do edital da licitação, ficou em 3º lugar, a vencedora foi a empresa CONSTRUMASTER, que ofertou 27,5% (Vinte e Sete e meio por cento) de desconto.

Querem direcionar essa licitação para a EDECONSIL a qualquer custo!!

EM TEMPO: na primeira licitação, a CONSTRUMASTER venceu o (lote 1) e a Construtora  LUCENA, o (lote 2). Como a EDECONSIL não ganhou, A prefeitura revogou!

E MAIS: na segunda licitação aumentaram o valor para R$ 460 Milhões, e após de inúmeras impugnações, suspenderam!

PRA FECHAR: e agora foi republicada com um valor de R$ 425 Milhões e o Ministério Público e o Tribunal de Contas já estão de olho e devem entrar no jogo com pedidos, ainda esta semana, com pedido para embargar a “licitação de cartas marcadas”

F.U.I: o que se parece nesta licitação é que enquanto Fernandão não ganhar, eles não param mudar as regras e de “Relicitar”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade
Arquivos