Bomba! Rodoviários prometem cruzar os braços em São Luís

Segundo o presidente Marcelo Brito, caso não seja realizado um contato com a categoria, o sindicato não terá outra alternativa senão realizar uma paralisação de advertência no transporte público de São Luís

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários do Maranhão, Marcelo Brito confirmou agora a pouco, ao Site Observatório, que já informou a população de São Luís e as autoridades competentes sobre uma questão de extrema importância relacionada ao sistema de transporte urbano e semiurbano da cidade, que é a demissão e a falta de cobradores nos coletivos. Em Nota, o presidente disse que tem feito esforços significativos para estabelecer uma reunião com a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), a fim de discutir as preocupações e reivindicações da categoria rodoviária. No entanto, até o momento, após inúmeros ofícios enviados ao órgão, sequer receberam resposta ou confirmação de reunião.

A pauta da reunião com o secretário da SMTT, Diego Rodrigues é a recente constatação de uma redução drástica no número de cobradores nos ônibus do transporte público de São Luís. “Nossas fiscalizações nas empresas de transporte revelaram a falta de cobradores, o que está causando impactos negativos nos serviços prestados à população ludovicense”, afirmou Marcelo Brito.

Segundo o presidente, caso não seja realizado um contato com a categoria, num prazo de 48 horas, o sindicato não terá outra alternativa senão realizar uma paralisação de advertência no transporte público de São Luís.

“Instamos a SMTT a responder aos nossos pedidos de reunião e abordar as preocupações da categoria rodoviária de forma rápida e eficaz. Somente por meio do diálogo e da colaboração poderemos encontrar soluções que beneficiem a todos os envolvidos”, disse, Brito.

Veja abaixo, cópias dos últimos ofícios encaminhados à SMTT.  

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade
Arquivos