URGENTE! Martelo batido e CAEMA vai ser privatizada

O Governo Carlos Brandão já bateu o martelo e vai mesmo PRIVATIZAR a CAEMA, tanto que o resultado da auditoria que balizará o pregão de licitação já está num pré-edital de um futuro leilão da companhia

A Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão – CAEMA contratou em julho de 2021, a empresa de consultoria e de engenharia de avaliação especializada L.M.D.M. – CONSULTORIA EMPRESARIAL LTDA contrato 036/2021, com objetivo de auditar da contabilidade da Companhia aos Pronunciamentos Técnicos CPC 01 (R1) – Redução ao Valor Recuperável; CPC 27 – Imobilizado e Interpretação Técnica ICPC 01 (R1) – Contratos de Concessão. Ao final de tudo isso, o objetivo é um só a PRIVATIZAÇÃO da CAEMA.

Governo do Maranhão detêm maioria absoluta da Companhia, veja abaixo, todos os acionistas.

Durante a auditoria contratada para examinar as demonstrações contábeis da Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão – CAEMA que compreendem o balanço patrimonial de 31 de dezembro de 2022 e as respectivas demonstrações do resultado, do resultado abrangente, das mutações do patrimônio líquido e dos fluxos de caixa para o exercício findo nessa data, bem como as correspondentes notas explicativas, incluindo o resumo das principais políticas contábeis.

O Patrimônio Líquido da Companhia apresentou um saldo contábil em 31 de Dezembro de 2022, R$ 937 Milhões. Na composição desse saldo consta a rubrica de “Ajuste de Avaliação Patrimonial” no montante de R$ 67 Milhões. Também em 2022, a Companhia apresentou um faturamento de R$ 564 Milhões e um prejuízo de R$ 208 Milhões.

O Site Observatório investigou e conseguiu a informação de que o Governo Brandão já teria tido a sinalização de empresas com interesse no negócio da CAEMA, e que a expectativa é arrecadar cerca de R$ 2 Bilhões.

Lucro, só em São Luís

A CAEMA tem uma abrangência seu maior patrimônio e prestação e serviços, na Capital, São Luís, que corresponde a 55,94%, de todo o rendimento da companhia, com um faturamento anual de R$ 315 Milhões. Em segundo lugar ficava Imperatriz, com apenas 12,65%, com um faturamento de R$ 71 Milhões, segundo resultados da auditoria.  Veja na tabela abaixo.

Em tempo: em geral, analistas de mercado veem a privatização da CAEMA com bons olhos;

E mais: quem comprar a CAEMA deve faturar alto em médio e longo prazo, uma que há um direcionamento mais benigno para empresas do setor, depois da aprovação do Marco do Saneamento Básico;

Pra fechar: semana que vem tem mais confusão com a CAEMA, aguardem!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade
Arquivos